O Início da Vida Escolar - da separação à independência

A autora aborda o início da vida escolar e oferece suas informações como uma ajuda para os professores, com a profunda convicção de que este importante processo de adaptação na educação infantil pode ser uma  fonte de crescimento, positivo para qualquer pessoa envolvida — professores, crianças e pais.

Autora: Nancy Balaban - Editora: Artes Médicas

Sugestões

de leitura

O início da vida escolar - da separação à independência - Nancy Balaban

Aprender tem que ser gostoso

Autora: Maria Augusta Sanches Rossini

Nesta obra, a autora mostra quanto a educação está ligada à emoção, à motivação, ao bem-estar do educando.  Colocando através de uma linguagem acessível e de forma clara e objetiva, as necessidades básicas do ser humano, que não podem ser deixadas de lado ou agredidas pelo educador.  Ao contrário, elas devem estar aliadas à aprendizagem como fontes motivadoras.  Editora:  Vozes

A autora consegue demonstrar com clareza e de forma didática, o processo de transformação vivenciado por algumas

professoras, através de mudanças introduzidas na organização do espaço e de novas interações e reflexões realizadas por elas sob a coordenação da supervisora pedagógica, deixando claro que há de educar o educador para que ele eduque seus alunos.

Sabores, cores, sons, aromas

A organização dos espaços na educação infantil

Autora:  Maria da Graça Souza Horn

 

No seu livro Brinquedo e Cultura, Gilles Brougère procura determinar a função social e o significado do brinquedo nos dias de hoje:  para que serve um brinquedo e qual mensagem transmite? 

De que modo a criança se utiliza dos objetos que lhe são dados “para brincar”?

O brinquedo produz uma certa imagem de criança marcada pela maneira como a própria sociedade a percebe;  a riqueza de significados das imagens e representações produzidas por esse brinquedo torna-se evidente no momento em que a criança entra em contato com ele:  é a dinâmica desta relação que precisa ser estudada, quando queremos ter uma compreensão cultural do brinquedo.  Nesta perspectiva, a brincadeira aparece como o lugar em que a criança traduz - e recria - as imagens e representações que lhe são propostas.

Brinquedo e cultura

Autor:  Charles Brougère

Significado e função do brinquedo na criança

Autores: Lebovici & Diatkine

O brinquedo está para a criança assim como o trabalho está para o adulto;  desta forma, a capacidade de brincar de forma prazerosa e espontânea é sinal de saúde mental e desenvolvimento cognitivo adequado, enquanto a ausência e a ocorrência de  inibições no brinquedo são sinais de dificuldades a serem observadas e, muitas vezes, solucionadas por meio da atividade lúdica.   S. Lebovici e R.

Diatkine fornecem subsídios únicos para que as crianças possam ser melhor compreendidas e mais respeitadas enquanto brincam.

Esse é um texto clássico, imprescindível e atemporal para educadores, psicólogos, médicos, psicanalistas, pais e todos aqueles que trabalham com crianças e se interessam por seu desenvolvimento saudável.  Editora Artmed

Significado e função do brinquedo na criança
Autores: Lebovici & Diatkine

A relação entre o jogo e a educação sempre despertou a atenção de pensadores desde os mais remotos tempos da humanidade.  Esta coletânea de artigos organizada por

Tizuko Morchida Kishimoto, mostra como o brincar surge ao longo da história da humanidade relacionado à criança e à educação, assumindo diversos significados como recreação, excesso de energia, atividade inútil, expressão de qualidades espontâneas, re-criação.  Entretanto, psicólogos, antropólogos, sociólogos e lingüistas contemporâneos criaram referenciais teóricos para explicitar o brincar como uma ação metafórica que contribui para o desenvolvimento integral da criança e propicia a construção do conhecimento.

Jogo, brinquedo, brincadeira e a educação

Autor:  Tizuko Morchida Kischimoto

A arte de brincar

Brincadeiras e jogos tradicionais

Autora: Adriana Friedmann

Neste livro, Adriana Friedmann reúne mais de 200 brincadeiras tradicionais, daquelas que brincavam nossos pais e avós na rua, na praça, sem muitos brinquedos.  A presente coletânea vem ao encontro do anseio de pais e educadores por novas (e ao mesmo tempo tão antigas!) idéias de  atividades para desenvolver

com crianças dentro de casa, na escola, no parque, no clube ou em qualquer local apropriado.  Atualmente, quando a televisão, o computador, os videogames e o consumo estão tão presentes na vida dos nossos pequenos, este livro vem contribuir para uma infância mais saudável e adequada, propondo novas brincadeiras.

Ainda existe a cadeira do papai?

Autores: Elizabeth Polity, Márcia Zalcman Setton & Sandra Fedullo

Como as famílias constroem a participação masculina no mundo dos afetos na esfera doméstica? A paternidade é hoje mais um desejo do que uma obrigação?  Essas e muitas outras questões são tratadas no decorrer deste livro, organizado por Elizabeth Polity. Marcia Zalcman Setton e Sandra Fedullo Colombo.

Esse livro nos leva, através da sensibilidade das autoras a nos enxergar diante de um espelho, onde se reflete o outro (família, pai), a visão que temos desse outro e os nossos próprios pais internalizados, ou melhor, as relações das quais eles fazem parte.    Vetor Editora.

PSICOPEDAGOGIA: Um enfoque sistêmico  convida o leitor a uma compreensão das dificuldades de aprendizagem dentro de um

contexto relacional mais amplo, que engloba a família, a escola, os terapeutas e a rede social na qual estão inseridos.

Os textos que compõem esta obra propõem a reconstrução do significado de aprender/não aprender, permitindo redimensioná-lo numa abordagem conjunta e em co-responsabilidade com todos os envolvidos no processo ensino/aprendizagem.

Organização:  Elizabeth Polity. Vetor Editora.

Psicopedagogia: um enfoque sistêmico

Autora:  Elizabeth Polity (Org.)

Com grande sensibilidade, Gladis Brun conseguiu, através das experiências pessoais em núcleos familiares desfeitos e refeitos, observações de caráter universal que a levaram a compor Pais, Filhos

& Cia. Ilimitada, que se apresenta como resultado da vivência de quem soube respeitar as diferenças, superar os preconceitos e compreender que não há caminhos prontos para quem busca a felicidade.   Editora Record

Pais, filhos e cia. Ilimitada

Autora:  Gladis Brun

Pais e filhos - Companheiros de viagem

Autor: Roberto Shinyashiki

Nesse momento de transformações que a humanidade está vivendo, criar os filhos passa a ser uma descoberta de si mesmo. Cada um, ao reavaliar seus objetivos de vida, vai encontrar as respostas a partir da evolução dos relacionamentos afetivos. O psiquiatra Roberto Shinyashiki, em seu estilo poético, simples e direto, apresenta em

 Pais e Filhos - Companheiros de Viagem uma abordagem a respeito da educação dos filhos.

Nova? Moderna? Talvez, mas acima de tudo questionadora das posturas até hoje utilizadas.  Uma visão que propõe a busca de relações mais profundas e significativas.

Pais e filhos: aprendizes no desvendar dos mistérios da vida.  Companheiros de viagem.  Ed. Gente

Neste livro, o Dr. Moisés Groisman aborda a Terpia Familiar Sistêmica, nova perspectiva no tratamento da doença mental e no entendimento das complexas relações familiares - entre pais e filhos, na escola, no trabalho, nas relações amorosas, no envolvimento com drogas. 

Editora Objetiva.

Família - Trama e terapia: 

A responsabilidade repartida

Autor:  Dr. Moisés Groisman

Histórias Dramáticas - Terapia breve para famílias e terapeutas

Autor: Dr. Moisés Groisman

Em Histórias Dramáticas - Terapia breve para famílias e terapeutas, o dr Moisés Groisman fala do intrigante mistério que é a família; de seus problemas e de como resolvê-los através da terapia familiar.  Tem como ponto de partida o modelo Sistêmico-Vivencial de terapia familiar breve, criado por ele próprio,  e desenvolvido nos ultimos quatro anos pela equipe da Núcleo-Pesquisas.  Em cada capítulo, o leitor –  profissional ou leigo – terá lentes teóricas que o ajudarão a perceber como todas as

familias são, ao mesmo tempo, diferentes e semelhantes.

Editora Rosa dos Tempos

Descubra como a família define quem você é.  Numa época em que se fala em globalização, internet, crise econômica, o homem e a mulher no mercado de trabalho, o dr. Mosés Groisman dirige sua lente para uma das instituições mais antigas e poderosas, base da sociedade, de onde todos nós viemos - a família. 

Editora Eldorado

Família é Deus

Autor:  Dr. Moisés Groisman

Além do Paraíso - Perdas e

transformações na família

Autor: Dr. Moisés Groisman

Este livro, nos seus diferentes capítulos, fala de como as perdas familiares produzem desorganização nas famílias, o que elas inventam para tentar superá-la e como os terapeutas sistêmicos procuram deslindar esses mistérios para encaminhá-los de outra perspectiva, de modo que as familias, que se encontravam paralizadas na perda, possam retomar seu desenvolvimento.

Editora Núcleo Pesquisas

A autora reflete sobre experiências cotidianas da escola que acontecem tanto ao nosso redor como dentro de nós:  o entrecruzar-se de acontecimentos e aprendizagens, de alegrias, rancores e desejos, propondo estarmos preparados para apreender e desfrutar da realidade tudo o que se pode, de modo a qualificar nossa vida e ação pedagógica.

Editora Artmed.

Família é Deus

Autora:  M. Carmen Díez Navarro

O desenvolvimento afetivo

e intelectual da criança

Autor: B. Golse

Esta obra ressalta os pontos de contato e interferência entre as teorias psicanalíticas e a epistemologia genética de Piaget, abordando suas dimensões complementares e opostas.  O leitor encontrará a apresentação das principais teorias, relação das diferentes teorias do desenvolvimento e relação das teorias do desenvolvimento afetivo e do desenvolvimento cognitivo.  Editora Artmed

Nesta obra, D. W. Winnicott  se (pre)ocupa com os primórdios da vida imaginativa e da experiência cultural em todos os sentidos, e com tudo que determina a capacidade individual de viver criativamente e encontrar vitalidade na vida. Sob esse título expressivo, Winnicott nos leva por caminhos e áreas, se não inexplorados, pelos menos mal iluminados ou apressadamente percorridos por

aqueles (profissionais ou não) que tratam com crianças,adolescentes, adultos, enfim com o homem em sua totalidade. A importância e o encanto deste livro residem na criatividade com que o autor apresenta suas teses, visando a fornecer os elementos indispensáveis a uma compreensão e uma vivência mais livres do "jogo" da vida.   Editora Imago

O brincar e a realidade

Autor:  D. W. Winnicott

A psicanálise dos contos de fadas

Autor: Bruno Bettelhein

Este livro de  Bruno Bettelheim  faz uma radiografia das mais famosas histórias para crianças, arrancando-lhes o seu verdadeiro significado e aborda as razões, as motivações psicológicas, os significados emocionais, a função de divertimento e a linguagem simbólica do inconsciente que estão subjacentes nos contos infantis.  Editora Paz e Terra

A aplicação do conto de fadas Branca de Neve

no espaço pedagógico

Autora: Taís Lima

 Este livro oportuniza uma leitura esclarecedora e sensível da linguagem inconsciente que se revela como distúrbio de aprendizagem, tendo como maior mérito a ousadia de tornar pública uma ação terapêutica que, ao levar em consideração essas questões, sai dos padrões de uma psicopedagogia reeducadora e promove o desenvolvimento do sujeito de forma global.  Vetor Editora.

Este livro aborda três temas importantes  na Psicologia e na Psicoterapia:  contos de fada (A Bela Adormecida), adolescência e interpretação de desenhos.

Os desenhos realizados pelos adolescentes foram analisados em relação à sua parte gráfica e aos simbolismos existentes nos mesmos.  Tanto esse conto como o processo de adolescência são enfocados do ponto de vista da psicologia analítica. 

É um dos poucos livros em língua portuguesa sobre essa fase do desenvolvimento, baseado na teoria de C. G. Jung e seus seguidores.  Vetor Editora

A Bela Adormecida e a adolescência

Autora:  Maria Teresa Nappi Moreno

Fantoche & Cia.

Autoras: Idalina Ladeira e Sarah Caldas

 Abordando o uso de bonecos na educação, Fantoche & Cia. nos traz a oportunidade de trabalhar a comunicação e a sociabilidade das crianças. Nele, as autoras Idalina Ladeira e Sarah Caldas ensinam a confeccionar fantoches e máscaras, desde os mais simples – para serem executados por crianças da Educação Infantil – aos mais elaborados – ideais para adolescentes.  Este livro é uma

ótima opção, não apenas para professores, mas também para estudantes dos cursos ligados à educação, pais e qualquer pessoa interessada em desenvolver a criatividade infantil.,

Editora Scipione.

Caixa de texto: VOLTAR

Na educação, o movimento integrador se manifesta em alguns princípios norteadores que enfatizam em igual medida o domínio das disciplinas, a dimensão social e a dimensão pessoal, tendo como meta aprender a aprender, o que nos remete à integração da objetividade e da subjetividade nos processos de

ensino/aprendizagem. Este livro expressa uma dimensão de atualidade ao abordar e aprofundar reflexões em torno desse tema e, mais do que isso, é o prenúncio de algo inédito ao apresentar alternativas concretas de atuação que integram a objetividade e a subjetividade no trabalho com alunos, educadores e psicopedagogos, ou seja, o resgate de uma educação com alma.

Editora:  Vozes

(Por) uma educação com alma: 

A objetividade e a subjetividade nos processos de ensino/aprendizagem

Autora:  Beatriz Scoz (Org.)

A mulher escondida na professora

Autora: Alicia Fernández

 Nesta obra a autora apresenta a análise do vínculo ensinante-aprendente, enfocando "a" ensinante (professora, mãe, ...) e colocando a ênfase nas consequências prejudiciais que, para o trabalho de construção de sua subjetividade e para a possibilidade de ensinar, tem o esconder, o omitir ou o desmentir as diferenças de gênero sexual.

Editora:  Artmed

Psicopedagogia e realidade escolar

Autora: Beatriz Scoz

 Neste livro, a autora  analisa as concepções dos educadores da escola a respeito dos problemas de aprendizagem: o que pode ser ou não um problema para aprender; quais meios e agentes utilizam para lidar com essas questões e quais os fatores que interferem neste trabalho.  Editora Vozes